Carregando! Por favor aguarde...

Selecione a foto de fundo da capa
  • backCanoas.jpg
  • bg_portal_avioes.png
  • bg_portal_capaocorvo.png
  • bg_portal_canoasbr.png
  • bg_portal_vlmimosa.png
  • bg_portal_praiapaqueta2.png
  • bg_portal_pessoas.png
  • bg_portal_carnaval.png
  • bg_portal_praiapaqueta1.png
  • sem-imagem

Centro de Bem-Estar Animal

uploads/tiny_mce/images/topo_bemestaranimal_550_550

 

 Baixe aqui a caderneta de Vacinação 

 

uploads/tiny_mce/images/pdf Baixe aqui a cartilha do Bem-Estar Animal 



O projetos da Coordenadoria

Feiras de Adoção todos os sábados junta à Prefeitura na Rua
Cãopanha do Apadrinhamento
Denúncias e demandas devem ser encaminhadas através do 0800 510 1234
Canoas é Bom pra Cachorro!
Projeto Amigo da Cidade.

Centro de Bem-Estar Animal

Veja neste site os animais disponíveis para adoção e apadrinhamento. São animais adultos e filhotes de várias idades que chegaram ao Centro de Bem Estar Animal (CBEA) debilitados ou acidentados e que foram tratados no local. Animais vítimas de abandono, recolhidos por situação de risco, também fazem parte do CBEA.

Feira de Adoção

Junto ao Prefeitura na Rua, todo o sábado a Feira de Adoção tem levado cães e gatos que chegaram ao canil, debilitados ou acidentados, e que foram ou estão em tratamento no Centro de Bem Estar Animal. Para a adoção, o interessado deve apresentar cópia de comprovante de endereço e documento de identidade e preencher um cadastro e assinar o termo adoção. Os animais disponíveis para adoção são castrados e vermifugados.


Apadrinhamento

Outra possibilidade de apoio aos animais do Centro de Bem Estar Animal é por meio do apadrinhamento afetivo. Apadrinhar um animal é contribuir diretamente para a sua proteção e bem-estar. Muitas vezes as pessoas tem vontade de adotar um amigo, mas moram em ambientes pequenos e/ou já possuem outros. Com o apadrinhamento é possível levar o animal para passear, dar um bom banho, presenteá-lo e ainda ficar responsável por arrumar um novo lar para seu novo afilhado.

Como é realizado um apadrinhamento?
Veja neste site ou no Centro de Bem Estar Animal os animais para adoção e apadrinhamento e escolha aquele que quer apadrinhar. Uma vez feita a escolha você pode ir até o Centro, localizado na Avenida Boqueirão, 1985, preencher a ficha de apadrinhamento e pré-agendar as visitas e passeios com o novo afilhado.

Quais os deveres do Padrinho / Madrinha?
O apadrinhamento é um compromisso moral que a pessoa que apadrinha tem com o animal. É uma forma de ajudar a melhorar as condições desse animal, e até mesmo para que esse encontre um lar definitivo.

O padrinho ou madrinha pode e deve visitar o seu afilhado no horário de funcionamento do Centro de Bem Estar Animal, assim como levá-lo a passear. Um dos objetivos do apadrinhamento é que os padrinhos divulguem o seu protegido, de modo a facilitar a adoção do mesmo.


uploads/tiny_mce/images/pdf Baixe aqui a carteira de vacinação 


Veja quem esta aguardando um novo lar!

II

II

Vicente
Foi atropelado e resgatado em frente ao cemitério São Vicente. É dócil, carente, carinhoso e interage muito bem com outros animais.

Milonga
Foi vítima de atropelamento, o que lhe deixou uma sequela na perna. Ótima companhia para crianças, é carente, submissa e muito dócil.

Brabinha
Chegou à um ano no CBEA com lesões na pele. Requer cuidados no manejo e se relaciona bem com outros cães.

II

II

II

Soraia
Chegou no CBEA com queimaduras pelo corpo. Muito dócil, comportada, submissa e convive bem com outros cães.


Caolho
Foi encontrado com bixeira no olho. É dominante com outros cães, muito dócil e carente com pessoas,


Bege
Foi vítima de abandono em frente ao CBEA. Não tolera outras fêmeas, é dócil com adultos e crianças.

 

II

II

Arame
Sofreu atropelamente na Av. Boqueirão, teve fraturas em dois membros que foram recuperados após o implante de pinos. É especialista em fugas, dócil e muito ativo.


Cino
Teve Cinomose e passou pelo tratamento, ficou com pequenas sequelas na perna. Aceita outros cães, é muito dócil e brincalhão.


Comedor de Pombas
O mestiço de linguiça adora caçar pombas. É um caçador nato, muito brincalhão, também tolera outros cães.

 

II

II

Beiçola
Foi vítima de atropelamento, tem pequenas sequelas musculares em membros posteriores. É ativo, carinhoso e adora fugir.


Chicão


Zangado
Foi abandonado pelo dono em mudança. É um bom cão de guarda e agressivo com estranhos.

 

II

II

Salsichão
Veio do Posto da Brigada do bairro Guajuviras pois foi vítima de briga com outros cães. É educado, dócil e convive com outros cães.


Mali
Foi atropelada na Av. Rio Grande do Sul, bairro Mathias Velho. Tem pequenas sequelas ao caminhar. Se dá bem com outros cães e é muito dócil.


Sarnento
Chegou no CBEA com sarna. Encontra-se saudável e recuperado. É incansável, ativo e brincalhão.

 

II

II

Pepe
É portador de necessidades e foi vítima de abandono. É muito dócil, submisso e inseguro com outros cães.


Elza Soares
Foi abandonada em uma das edições da Feira de Adoção. Teve sarna e se recuperou.


Thomas
Resgatado em uma creche no bairro Igara. É preguiçoso, submisso, comilão, carinhoso e obediente.

 

II

II

Íris
 Foi vítima de abandono em no lixão da Rua Irineu Caravalho de Braga. A sua adoção é casada com Coleira pois, não aceita outros cães


Coleira
Resgatado com uma coleira encravada no pescoço. É sociável e sua doação é casada com Irís.


Padinho
Encontrado na Vila Dick muito magro. É muito ativo, brincalhão e adora colo.

 

II

II

Tigrão
O Pitbull idoso é o primeiro cão assumido pelo CBEA, sua adoção é especial. É intolerante com outros animais e fujão.


Pintada
Chegou no CBEA em 2011, abandonada e com um filhote. Muito dócil, carente, ativa e brincalhona.


Bege 2
Foi vítima de abandono em frente ao CBEA. Convive bem com outros cães e é dócil com pessoas e crianças.

 

II

II

Ceguinha
Trazida por uma protetora da ONG SOS, foi vítima de abandono. É Idosa, cega, saudável, ativa e se realaciona bem com outros cães.


Zuque
Foi vítima de atropelamento. É fujão e não gosta de carinho, prefere fazer companhia e estar perto.


Sadã
Chegou no CBEA através de uma protetora. É um mestiço de chow-chow muito ciumento. Requer cuidados no manejo mas, se relaciona bem com outros cães.

 

II

II

Ovelheiro
Se recuperou de um atropelamento e está a dois anos no CBEA. É ideal para sítios, um bom cão de guarda e simpático com pessoas.


Zuque
Foi vítima de atropelamento. É fujão e não gosta de carinho, prefere fazer companhia e estar perto.


Sadã
Chegou no CBEA através de uma protetora. É um mestiço de chow-chow muito ciumento. Requer cuidados no manejo mas, se relaciona bem com outros cães.

Compartilhar:

     

Serviço de Atendimento ao Cidadão: 0800-5101234