Notícias

//
https://www.canoas.rs.gov.br/wp-content/uploads/2022/11/WhatsApp-Image-2022-11-25-at-15.20.27.jpeg

Fórum de Economia Solidária de Canoas promove curso de plantas medicinais

O uso correto de plantas medicinais e condimentares será tema de um curso que acontece nos dias 29 e 30 de novembro, no Centro de Capacitação e Produção em Economia Solidária (CCPES), das 8h às 12h e das 14h às 17h. Serão aulas teóricas e práticas, abordando a identificação e conservação das plantas, formas corretas de cultivo e traços culturais.

Serão 16 horas de imersão no mundo das plantas, conhecendo suas características e utilidades, seja fitoterápica, aromática ou ainda para alimentação ou temperos. O curso é uma oportunidade para quem quiser comercializar e fazer renda com o cultivo e venda de ervas. A experiência será ministrada pela instrutora Marília Pouco. “Muitos de nós fomos criados tomando os chazinhos da vó, para as mais diversas enfermidades. Hoje em dia, a medicina alternativa, os fitoterápicos, tem estudos bem avançado a partir do conhecimento e experiência populares. Nesse curso, também vamos apresentar a forma correta para o manuseios e preparos desses remédios naturais”, explicou Marília.

As inscrições podem ser feitas até sábado (26), por meio do WhatsApp: (51) 3477.2489. Ainda restam 10 vagas gratuitas. A formação é realizada pelo Centro de Economia Solidária de Canoas, em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) e o Sindicato Rural de Triunfo.

Pontos que serão abordados no curso

  • Conceituação de plantas medicinais, condimentares e aromáticas.

    Espécies mais cultivadas.

    Infra-estrutura de produção: galpão, área coberta.

    Multiplicação de plantas.

    Preparo dos canteiros de mudas.

    Preparação de substrato.

    Controle fitossanitário: pragas e doenças, métodos de controle, EPI.

    Colheita.

    Secagem.

    Armazenagem.

    Embalagens.

    Comercialização.

 Sobre o CCPES

O Centro de Capacitação e Produção em Economia Solidária (CCPES), localizado na Av. Rio Grande do Sul, 3462, Bairro Mathias Velho, foi criado em maio de 2012, por meio de uma parceria realizada entre a Prefeitura de Canoas, Fundação La Salle e o Fórum Canoense de Economia Solidária. O objetivo do espaço é contribuir para a capacitação e o desenvolvimento profissional da população canoense, estimular a criação de novas empresas solidárias e qualificar empreendimentos existentes no município.

[addtoany]