Notícias

//
https://www.canoas.rs.gov.br/wp-content/uploads/2021/01/Secretaria-da-Fazenda.jpg

Jairo Jorge herda prefeitura com desequilíbrio superior a R$ 530 milhões, mas valor pode ser maior

Download Imagem Original

Foto: Tony Capellão

O início da atual administração será de contas apertadas conforme o levantamento da Secretaria da Fazenda de Canoas.

“De acordo com a nossa apuração, o déficit financeiro é de R$ 281,4 milhões. Já o déficit orçamentário, de R$ 250 milhões”, destacou o secretário da Fazenda, Luis Davi Vicensi. Segundo o secretário, essa é uma apuração preliminar, pois há muitos contratos que ainda precisam ser revistos, os quais podem aumentar esses valores.

Embora a situação seja deficitária, Vicensi afirma que a cidade não deixará de ter investimentos em razão da situação fiscal. “Precisamos de mais receitas e cortar despesas, porém não vamos cortar nas áreas sociais essenciais, que, no futuro, provocarão problemas maiores. Teremos sensibilidade e o desafio de cortar gastos preservando investimentos compromissados com a população. Por exemplo, se você não investe em saneamento, futuramente acaba tendo gastos muito superiores em saúde”, ressaltou.

Nos próximos dias, a pasta pretende apresentar duas propostas de incentivo a economia para a câmara de vereadores, a fim de estimular a economia, que foi bastante impactada pela pandemia.

Escritório de Comunicação - PMC