Notícias

//
https://www.canoas.rs.gov.br/wp-content/uploads/2021/03/CentroDeMonitoramento_MatheusTomaz-2.jpg

Segurança Pública inicia recuperação de câmeras de monitoramento

Câmeras de monitoramento do município são conectadas ao Centro Integrado de Comando e Controle (CICC).
Download Imagem Original

Foto: Arquivo PMC

Com o objetivo de fortalecer o enfrentamento à criminalidade em Canoas e trazer ainda mais segurança para a população, a Secretaria de Segurança Pública iniciou um processo de recuperação de câmeras de monitoramento que estão espalhadas pela cidade e são conectadas ao Centro Integrado de Comando e Controle (CICC).

De acordo com levantamento da Secretaria, em janeiro deste ano, 81 câmeras, das 188, apresentavam algum tipo de problema, o que representa 43% dos equipamentos. Até o momento, 20 deles já foram reativados e colocados em funcionamento novamente. Nos demais locais, as câmeras e outros equipamentos agregados, terão que ser substituídos, adquiridos em um novo processo licitatório.

O secretário da pasta, delegado Emerson Wendt, afirma que a recuperação de metade dessas câmeras faz parte da meta de 100 dias da gestão municipal. “O que identificamos é que muitos equipamentos não têm sequer conserto e que já estavam assim há mais de ano, e, por isso, terão que ser substituídos. Nosso objetivo é que, até final do ano, Canoas tenha pelo menos 210 câmeras de monitoramento ativas”, ressalta o delegado.

A escolha dos locais para a instalação de novos equipamentos ocorre baseada em dados da Diretoria de Inteligência e Análise Criminal e do Observatório de Segurança Pública, considerando os lugares com maiores índices de violência, onde há maior circulação de pessoas, nas proximidades de escolas, unidades de saúde e de núcleos comerciais.

Ainda de acordo com Wendt, o videomonitoramento é essencial não apenas para a atuação da Guarda Municipal e da Secretaria de Segurança, mas para as investigações da Polícia Civil, para a Brigada Militar, para ocorrências de trânsito e para demais situações, uma vez que qualquer pessoa pode solicitar gravações pela Central de Atendimento ao Cidadão (CAC). As imagens são monitoradas durante 24h, todos os dias da semana.

“Estamos analisando a possibilidade de contratação de um sistema de inteligência e análise comportamental, pessoal e veicular, para agregar sobre as câmeras, possibilitando a análise e resposta automatizada aos problemas detectados”, afirma o secretário adjunto, tenente-coronel Marcelo Pitta.

Cercamento eletrônico
Canoas ainda possui 18 pontos com câmeras do cercamento eletrônico, iniciativa do programa do Governo do Estado. O sistema identifica placas de veículos furtados ou roubados, através da base de dados do Detran, e um alerta é emitido para o Centro Integrado de Comando e Controle (CICC), que, imediatamente, aciona a Guarda Municipal ou uma guarnição da Brigada Militar.

Escritório de Comunicação - PMC