Educação para o Trânsito

Nossa História

           Em 23 de Setembro de 1997, foi criado o Código de Transito Brasileiro (CTB) que passou a vigorar a partir de 22 de janeiro de 1998. Este diploma legal trata, em seu capítulo VI, sobre a implementação da educação para o trânsito. No início desse capítulo, no art. 74, a educação para o trânsito é direito de todos e constitui dever prioritário para os componentes do Sistema Nacional de Trânsito.

          A Educação para o Trânsito é uma ferramenta que o nosso município tem utilizado para fomentar a ideia de um trânsito colaborativo, a fim de reduzir os índices de acidentes com vítimas, diminuindo os sofrimentos físicos e psíquicos gerados pelo trânsito. Precisamos, além de uma boa fiscalização, transmitir valores de ética e cidadania aos pedestres, ciclistas, motociclistas e condutores de veículos automotores.

 

São Ações educativas promovidas pela Unidade de Educação para o Trânsito:

  • – Palestras sobre a temática, entre elas: psicologia do trânsito, conscientização de cidadania, direção defensiva e comportamentos de risco, junto às empresas de Canoas;

    – Palestras nas escolas públicas e particulares do município, para alunos da Educação Infantil, Fundamental e Médio;

    – Blitze educativas, com distribuição de material educativo de trânsito;

    – Curso “Professores, Multiplicadores na Educação para o Trânsito”: para a rede municipal, estadual e particular de ensino.

 

Contato para agendamento de palestras:

Fone: 3425-7636

E-mail: transito.educacao.pmc@gmail.com

 

Membros da Unidade de Educação para o Trânsito:

Renato Correia    – Chefe de Unidade  

Simoni Theobald – Agente de Trânsito

Vanessa Carmo – Psicóloga Perita em Trânsito

Nosso Trabalho