Museu Municipal Parque dos Rosa

Parque dos Rosa

A mais antiga edificação de Canoas, datada do início do século XX,  abriga o acervo do Museu Municipal Hugo Simões Lagranha, salas multimídia para exposições, acervo permanente e um café. 
O parque contempla um dos mais importantes patrimônios históricos da cidade, a Casa dos Rosa, que está inserida no projeto, que fica em frente a Antiga Estação de Trem, também reformada e tombada pelo patrimônio do município.
Além de um playground para as crianças e um caminho para um passeio na área externa da Casa, o Parque dos Rosa conta com uma obra de arte feita especialmente para o espaço: duas esculturas assinadas pelo artista plástico Pedro Girardello que estarão no jardim em frente à Casa.

Legado histórico

O Parque e a Casa dos Rosa e mais a Antiga Estação de Trem são um símbolo da preservação da memória da cidade. É um projeto importante que disponibiliza um espaço de reflexão sobre a memória do município. Ele abriga as mais diversas formas de arte o que remonta às origens de Canoas. O objetivo é que as pessoas busquem a Cultura em Canoas e mantenham a memória da cidade viva.

Museu Municipal Parque dos Rosa na Cidade de Canoas

Um pouco de história

A Casa dos Rosa foi construída em estilo “chalé de chácara”, com telhas francesas e adornos lambrequins em sua composição original. É datada do início dos anos 1900, sendo a construção mais antiga da cidade. A urbanização de Canoas se deu a partir da transformação de grandes áreas de terras da Fazenda do Gravataí, adquiridas por abastadas famílias de Porto Alegre. O lote número 1 foi adquirido por Antônio Lourenço Rosa, em 27 de junho de 1894. Durante sua história, o imóvel sofreu dois incêndios que quase destruíram a residência.

Antiga Estação do Trem foi construída em 1934, substituindo a  parada de trens originalmente construída em 1874, por ocasião da linha que ligava São Leopoldo a Porto Alegre. Tombada em 2010, durante anos abrigou a Fundação Cultural de Canoas.

Acesse o passeio virtual

Funcionamento: 

De terças a sábados: das 10h às 21h
Domingos e feriados: das 14h às 21h
Segundas-feiras: fechado

Estrutura

Térreo

Primeira sala
Linha do tempo histórica de Canoas, mapas da cidade e objetos referentes à Canoas.

Segunda sala: 
Sala de projeção com o filme Canoas: memória em movimento.

Terceira sala:
Ficam expostos os tablets multimídia para acesso dos visitantes à história dos antigos Prefeitos de Canoas, a família Rosa (foto), mapas da cidade e fotos de Canoas antiga.Quarta sala: 
Exposição itinerante; Exposição Fragmentos; Fotografias da Casa dos Rosa antes de seu restauro. Curadoria Yara Balboni e Rafael Muniz.

   

2º andar

Primeira sala
Sala de Comunicação: voltada à linguagem, remete tanto à escrita quanto à fala, através de diversas tecnologias.

Sala Antônia Flório Escobar

Com objetos diversos. Entre eles os pertences da Professora Antonia Flório Escobar, o Diário de Santos Ferreira e utensílios de barbearia

Terceira sala: 
Gabinete Hugo Simões Lagranha